9 maneiras de melhorar o SEO investindo tempo e não dinheiro​

Uma tendência ascendente constante nos gastos com SEO indica que os profissionais de marketing percebem o papel que o SEO desempenha em ajudar os clientes em potencial a encontrar suas ofertas. 

Melhorar o SEO banner

Somente em 2020, cerca de 56% das empresas brasileiras afirmaram investir em SEO, segundo relatório do RD Station. Além disso, a maioria afirmou que irá aumentar ou pelo menos manter o investimento em SEO. Isso mostra que cada vez mais, empresas brasileiras estão observando os resultados que o SEO garante. Outro dado importante é que 80% das empresas fazem isso internamente. Por isso trouxemos este guia, com técnicas que requerem mais tempo e mão-de-obra, que as empresas possam repassar para suas equipes efetuarem no dia-a-dia.

Como funciona o SEO?

Primeiramente, para entender as maneiras de melhorar o SEO sem um grande valor de investimento, é importante primeiro entender os conceitos básicos de SEO. A otimização de mecanismo de pesquisa (SEO) inclui várias técnicas que ajudam uma página a aparecer mais alto quando os usuários inserem uma consulta de pesquisa relevante em um mecanismo de pesquisa. Isso inclui estratégias relacionadas ao conteúdo que giram em torno de seu texto e imagens, bem como estratégias funcionais que giram em torno da navegabilidade, velocidade de carregamento e organização técnica de seu site e páginas.

O Google é o mecanismo de pesquisa mais usado, processando cerca de 5 bilhões de consultas em todo o mundo todos os dias. O Google também investe enormes quantidades de tempo e dinheiro para melhorar constantemente seu mecanismo de pesquisa. Por esses motivos, a maioria dos especialistas em SEO usa o Google para testar e avaliar a eficácia de suas estratégias e mudanças de SEO. No entanto, as estratégias de SEO que funcionam para o Google geralmente funcionam para todos os mecanismos de pesquisa.

9 maneiras de melhorar o SEO investindo tempo e não dinheiro

1. Defina tags de título em todas as páginas

Comece definindo as tags de título de cada página. As tags de título informam aos mecanismos de pesquisa e aos usuários sobre o que é uma página. Seu título deve ter cerca de 60 caracteres e deve resumir muito brevemente o ponto ou propósito da página. A palavra-chave direcionada da página também deve estar na tag de título (mais sobre isso posteriormente).

As tags de título tornaram-se menos importantes à medida que os mecanismos de pesquisa desenvolveram maneiras mais eficazes de decifrar o que é uma página. No entanto, otimizar suas tags de título ainda pode ser uma ótima maneira de melhorar o SEO sem reescrever o conteúdo.

Se você tem um site WordPress, recomendo usar o plugin Yoast SEO para atualizar suas tags de título. Isso lhe dará uma prévia de como sua página ficará nos resultados de pesquisa usando a tag de título que você definiu e também fornece outras ótimas recomendações de SEO.

2. Formate seu conteúdo corretamente

Mais do que procurar mudar as palavras do texto no seu site, considere alterar a forma como essas palavras são dispostas. Uma boa organização no texto e nas páginas mostra ao Google que seu conteúdo é fácil de ler e entender. Esses elementos também são importantes para a acessibilidade do site .

Alguns elementos de formatação incluem:

3. Livre-se de conteúdo de baixa qualidade

Os mecanismos de pesquisa rastreiam e indexam páginas da Web em toda a Internet para que possam mostrar as páginas certas no momento certo, em uma fração de segundo. Isso significa que os robôs estão constantemente rastreando a internet, mas eles só querem coletar informações relevantes e valiosas para os usuários.

Com bilhões de páginas para rastrear, esses robôs podem não se incomodar com seu site se encontrarem um grande número de páginas de baixa qualidade ou se suas páginas estiverem enterradas profundamente na arquitetura do seu site.

Se você não conseguir adicionar novo conteúdo ao seu site, poderá melhorar seu SEO reduzindo o número de páginas de baixa qualidade ou com conteúdo duplicado . Isso garante que o seu bom conteúdo,  o conteúdo que você realmente deseja que os usuários encontrem nos resultados de pesquisa e com melhores resultados segundo sua análise de métricas, seja indexado quando um rastreador o visitar.

4. Seja intencional ao criar os links certos

Embora o conteúdo seja importante para melhorar seu SEO, fatores de SEO fora do site e construção de links também são críticos. Nos últimos anos, o Google deixou claro que conhecimento, autoridade e confiabilidade (EAT) são importantes para uma boa classificação. O Google usa links como indicadores de EAT.

Quando um site tem um link para o seu, pense nisso como um voto de confiança. O outro site está linkando para o seu conteúdo porque eles acham que é útil, informativo e confiável. Isso significa que ganhar links de outros sites pode melhorar seu SEO sem reescrever seu conteúdo. Quanto mais popular for o site de links, mais valioso será o link.

Além da autoridade do site vinculado, você também deseja procurar sites que estejam em seu setor ou segmentar os mesmos tópicos do seu site. O Google correlacionará o tópico do site vinculado ao seu site como um fator de SEO. Tanto o site em si quanto o texto real usado no link são importantes.

Como você consegue esses tipos de links? Alguns bons lugares para começar incluem tornar-se membro de organizações do setor, patrocinar eventos relevantes ou fornecer conteúdo de postagem de blog convidado para blogs populares que segmentam seu público.

5. Crie links entre as páginas do seu site

Já estabelecemos que o Google se preocupa com links. Muito. Mas você sabia que até mesmo links do seu próprio site podem impactar seu SEO? Se você não puder alterar as palavras na página do seu site, percorra o conteúdo e vincule as frases relevantes às páginas apropriadas.

Por exemplo, se você é uma empresa de web design com uma página sobre web design, você pode mencionar em sua página de web design que você cria sites no WordPress. Você também pode ter uma página em seu site sobre o desenvolvimento do WordPress. Ao vincular “Wordpress” na página de web design à página do WordPress, você está dizendo ao Google que a página do WordPress deve ser classificada para a palavra-chave “Wordpress”.

Obviamente, tome cuidado para não exagerar. Um ou dois links internos em uma página provavelmente são suficientes, e muitos podem resultar em penalidades de SEO. Crie links que agreguem valor aos usuários e eles beneficiarão seu SEO.

6. Otimize suas listagens de NAP

As informações de “NAP” incluem o nome, endereço e número de telefone da sua organização. Essas informações geralmente são listadas em algum lugar do seu site (ou seja, sua página de contato) e em outros sites, como Yelp ou Google Meu Negócio. As listagens de NAP em sites da Internet têm valor de SEO por vários motivos. Eles geralmente precisam ser verificados por meio de uma ligação telefônica para sua empresa ou de um cartão postal enviado pelo correio. Por isso, eles ajudam a provar a existência do seu negócio para o Google. Eles também costumam vir com um backlink para o seu site, o que nunca é demais!

7. Aproveite as mídias sociais

As mídias sociais se tornaram uma parte importante do marketing digital e também podem desempenhar um papel na melhoria do seu SEO. Se você não pode implementar as táticas tradicionais de SEO por meio da otimização e criação de conteúdo, as mídias sociais podem ajudá-lo a melhorar o SEO sem reescrever o conteúdo.

Você pode melhorar seu SEO com a mídia social compartilhando conteúdo do seu site , como postagens de blog ou promoções, e criando uma sequência de usuários para consumir e compartilhar seu conteúdo. Utilize as plataformas de mídia social que fazem mais sentido para o seu público, como LinkedIn para negócios B2B ou Instagram para produtos de consumo. Nesses perfis, certifique-se de incluir um link para seu site. Reserve um tempo para construir seus seguidores e postar regularmente, e você pode se surpreender com o custo-benefício de alcançar seu público.

8. Obtenha classificações, críticas e depoimentos positivos

Depoimentos e avaliações podem adicionar credibilidade ao seu site, o que pode melhorar seu SEO. Quando formatado corretamente , o Google reconhece comentários em seu site e pode impulsionar seu site em algumas pesquisas. Em algumas ocasiões, essa revisão aparecerá nos resultados da pesquisa.

Além das avaliações em seu site, avaliações em outros sites, como Yelp ou Facebook, também podem ser benéficas. Considere desenvolver um processo interno para coletar feedback dos clientes após uma compra ou no final de um projeto. Nem todo mundo vai enviar, mas mesmo uma nova revisão a cada mês ou dois pode ter um impacto em seus rankings e em seu tráfego.

9. Atualize seu conteúdo antigo

A maioria do conteúdo perde lentamente o tráfego orgânico. O conteúdo mais antigo produz menos cliques de resultados orgânicos, principalmente devido à data no snippet de pesquisa. Além disso, o Google se esforça para apresentar conteúdo mais recente.

No entanto, você pode recuperar grande parte dessa perda atualizando o conteúdo com novos dados, novas referências, descrições contemporâneas e muito mais.

Além do DIY para melhorar seu SEO

Realizar algum nível de SEO DIY (Faça Você Mesmo), economiza dinheiro e coloca você no controle dos rankings orgânicos. No entanto, algumas tarefas que são ainda mais efetivas exigem ajuda profissional para melhorar seu SEO. Os exemplos incluem alterações de codificação, dados estruturados e velocidade do site (incluindo Core Web Vitals ). Como listamos em mais detalhes no nosso guia básico de SEO. Nesses casos, pode contar com uma agência parceira como a Wedoiti para fazer parte do seu dia-a-dia e ajudar tanto no direcionamento dessas tarefas internas quanto nas mais complicadas, que requerem um expertise maior.

Se gostou deste artigo, nos ajude compartilhando-o nas suas redes sociais.

Rolar para cima

Deixe seus dados que entraremos em contato