Guia para aumentar as vendas em redes sociais

Sobretudo as vendas em redes sociais permitem que a sua empresa desenvolva um relacionamento com uma cadeia de leads em potencial. Feito da maneira correta, as técnicas de conversões em redes sociais podem elevar o seu negócio a um novo patamar. Se você ainda não incorporou o empenho em aumentar suas vendas nas mídias sociais no seu planejamento de marketing é muito provável que você está perdendo negócios para concorrentes mais experientes. Então fique atento as informações que apresentaremos ao longo deste artigo e entenda a importância de manter um bom relacionamento por mei de interações.

vendas em redes sociais - celular com apps
Primordialmente a técnica de vendas em redes sociais consiste na prática de usar os canais de mídia social para se conectar a potenciais clientes, desenvolvendo uma relação com eles e nutrindo possíveis leads. Estudando e colocando em prática formas de desenvolver essa relação fará com que a possibilidade de que sua empresa atinja suas metas de vendas seja uma realidade não tão distante.

Social selling / vendas em redes sociais

Acima de tudo o Social selling ou vendas em redes sociais é uma forma moderna de construção de relacionamento. Ou seja, se conectar de forma ativa com clientes em potencial nas mídias sociais pode fazer com que a sua marca seja a primeira coisa que os clientes tenham em mente ao considerar fazer uma compra. Nesse sentido também substitui as técnicas ultrapassadas de construção de relacionamento e vendas já estabelecidas.
Do mesmo modo, também é muito importante ressaltar que uma estratégia de vendas em redes sociais deve descartar a prática de bombardear pessoas aleatórias com postagens não solicitadas. Isso é spam, e depõe contra a sua marca.
Basicamente sua estratégia deve ser direcionada a tornar as interações significativas, apresentando sua marca como uma solução para o que o cliente necessita. Dessa forma você aumentará a confiança e lealdade que os clientes projetam sobre seu negócio.

Índice de vendas em redes sociais

O índice de vendas em redes sociais, conhecido como SSI é uma métrica usada para medir o impacto das técnicas de conversões em redes sociais de uma marca. O LinkedIn aplicou esse conceito de SSI pela primeira vez em 2014. O LinkedIn faz uma análise do seu perfil na rede social levando em consideração 4 itens para estabelecer uma pontuação. Em primeiro lugar o profissionalismo da sua marca em relação ao conteúdo, a qualificação do seu público, o potencial das interações e a capacidade de construir um relacionamento com clientes. Para encontrar sua pontuação do LinkedIn SSI, acesse o painel do Social Selling Index e faça login. Leve a pontuação gerada em consideração na hora de fazer seu planejamento, melhore o que está defasado.

Importância das vendas em redes sociais

Segundo pesquisas do próprio Linkedin, empresas que são experientes e dominantes no âmbito das vendas em redes sociais acabam tendo 45% a mais de oportunidades de vendas do que as empresas que tem pouca dedicação estratégica nas conversões das mídias sociais. Bem como as empresas que priorizam as redes sociais para as vendas têm 51% mais chances de atingir suas metas de vendas.
Ainda mais pensando na forma como o networking e a construção de relacionamentos mudou devido à pandemia do COVID-19 e se tornou predominantemente online. Isso acaba implicando que esse é o melhor momento para priorizar as vendas em redes sociais.

Estratégia

Além disso, vendas em redes socais permitem que você se conecte com novos clientes nas mídias sociais, que é um ambiente em que os usuários já estão ativos e engajados em discussões. Se você utilizar ferramentas direcionadas para essa estratégia você poderá encontrar pessoas que já estão falando sobre o que você tem para oferecer. Assim você já pode começar com um passo à frente da concorrência. Isso significa que você pode alcançar um público que já tem interesse no que você está oferecendo e conectar-se facilmente com eles.
De acordo com pesquisas, durante os últimos seis meses de 2020, 25% dos americanos de 18 a 34 anos fizeram uma compra via mídia social. Na Índia, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia foi possível observar aproximadamente um terço das pessoas com idades entre 18 e 34 anos fazer uma compra via mídia social nesse mesmo período. O Brasil não fica atrás desses países e impressiona pelos seus números: 74% dos brasileiros usam redes sociais para compras. É o que revela a pesquisa Social Commerce, realizada pela All iN | Social Miner – que une dados de consumo, tecnologia e humanização para ajudar empresas a otimizarem seus resultados -, em parceria com a Etus e a Opinion Box. 4,2 bilhões de pessoas em todo o mundo estão ativas nas redes sociais. As plataformas de mídia social ganharam 490 milhões de usuários somente em 2020.
Definitivamente dedicar-se a vendas em redes sociais significa se manter competitivo no mercado. Seus concorrentes muito provavelmente já estão ativos nas mídias sociais, interagindo com clientes em plataformas sociais populares. Dados em 2020 da Statista, empresa alemã especializada em dados,  estimou que 25% das empresas de comércio eletrônico em todo o mundo planejavam vender seus produtos nas mídias sociais.

Principais plataformas para vendas em redes sociais

A princípio existem dezenas de plataformas de mídia social voltadas apenas para vendas, e não é nem um pouco difícil encontrá-las, estando cada vez mais em evidencia. Contudo, você pode obter sucesso com seu negócio utilizando as redes sociais convencionais, e essa ação vem ganhando mais marcas adeptas com o passar do tempo, pois essas redes já contam com um número gigante de usuários e consequentemente possíveis clientes.
A escolha de qual será a rede social que você deve investir vai depender muito de qual é a natureza do seu negócio. É importante inicialmente fazer uma análise de qual é o principal público que você quer atingir, saber como a concorrência está trabalhando nas redes sociais, e entender com profundidade sobre o que o seu negócio tem a oferecer. Se você concentrar seus esforços na plataforma que os seus potenciais clientes mais passam tempo você obterá resultados muito melhores.

Vendas em redes sociais convencionais

Como dito anteriormente redes sociais convencionais proporcionam um maior alcance. Essas plataformas geralmente são baseadas em sistemas de comunidade, por isso são mais amplas. O Facebook e Twitter são grandes exemplos neste quesito. Plataformas que são orientadas pelo visual como Instagram e Pinterest focam no apelo de imagens fortes voltadas a mercadorias.
De acordo com a pesquisa da TrackMaven, as empresas B2B atingem as maiores taxas de engajamento no Instagram, ou seja, dentre as principais redes sociais convencionais, o Instagram entrega  o maior número de interações em relação a quantidade de seguidores. O Instagram não apenas promove o engajamento por meio de comentários, mas também hospeda textos, fotos e vídeos diretamente na plataforma para que seus seguidores não precisem clicar em outro lugar para ver o conteúdo.
Plataformas de vídeo como YouTube e Vimeo capacitam os usuários a criar conteúdo de formato mais longo para informar e entreter. Para conexões business-to-business, o Linkedin tem sido uma das principais opções.

O Linkedin é uma plataforma de negócios mais formal, ideal para empresas que buscam se conectar diretamente com clientes em potencial para tentar construir um relacionamento profissional. 

Em outras palavras, use qualquer plataforma social que seu público estiver mais engajado e qualquer plataforma que sua marca possa usar de forma consistente e assertiva.
Cada plataforma tem peculiaridades que te auxiliarão a atingir seus objetivos. Para páginas de negócios no Facebook, por exemplo, você pode obter insights para postagens orgânicas específicas ou para campanhas de anúncios comerciais. A plataforma disponibiliza uma avaliação das impressões e cliques como indicadores-chave de alcance. O Twitter também possui relatórios avançados para tweets específicos e atividades em maior escala para períodos de relatórios definidos. Ao usar hashtags, você pode efetivamente criar e monitorar campanhas de comunicação de marketing.
A seguir apresentaremos algumas dicas de como aumentar suas vendas nas principais plataformas de mídias sociais, levando em consideração algumas de suas peculiaridades.

Como aumentar as vendas no Linkedin

1. Construa credibilidade

É imprescindível que a sua marca tenha um perfil que destaque as qualidades relevantes e características interessantes para os clientes em potencial, deixando em evidência como você ajudou clientes anteriores a atingir seus objetivos. Se certifique em compartilhar apenas informações e conteúdo que provem de fontes confiáveis, além de manter um tom profissional em todas as suas atividades na plataforma.

2. Amplie suas conexões

Outra dica interessante para ter um alcance melhor para o seu negócio no Linkedin é usar o recurso de pesquisa da plataforma para ampliar a sua rede de conexões, tendo como base seus contatos inicias. Um caminho que pode facilitar esse processo é participar de grupos relevantes que façam sentido para o setor que o seu negócio está inserido.

3. Use o LinkedIn Sales Navigator

O Sales Navigator é uma ferramenta do próprio Linkedin que muitos profissionais da área utilizam, ela permite que você tenha um entendimento mais amplo de como o seu negócio está inserido na plataforma por meio de diversos dados muito interessantes. Isso vai te ajudar a atingir clientes em potencial e ter uma estratégia de comunicação muito mais assertiva e personalizada.

Como aumentar as vendas no Twitter

O Twitter é uma ótima rede para o entendimento da percepção social. Nele você pode criar listas para monitorar o conteúdo de grupos específicos de pessoas. Além de diversas outras possibilidades que podem fazer você ter um entendimento massivo dos seus possíveis clientes de forma interativa.

1. Interação com clientes

Crie uma lista para acompanhar as pessoas que já são seus clientes. Use esta lista para observar as oportunidades de responder ou curtir os Tweets deles e entender o que eles necessitam. Isso ajudará você a manter sua marca na mente deles. Ao passo que também é importante que você não exagere na dose. Certifique-se de que suas interações com os clientes sejam significativas. Apenas curta os Tweets que você realmente acha interessante, nada de curtir tweets pessoais, além de claro, só comentar quando tiver algo valioso a dizer.

2. Possíveis clientes

Ao identificar clientes em potencial, adicione-os a uma lista privada. Mas não se interaja com eles com a mesma sensação de familiaridade que você faz com os que já são seus clientes. Em vez disso, fique atento a pedidos de ajuda ou reclamações que seus concorrentes estão recebendo na rede social. Dessa forma, você pode responder com um comentário útil afim de solucionar o problema desse possível cliente a partir do que você tem a oferecer.

3. Concorrentes

Bem como também é relevante adicionar seus concorrentes a uma lista privada, permitindo que você fique de olho neles sem realmente segui-los. Isso pode ajudar a gerar ideias para a sua estratégia de vendas.

Como aumentar as vendas no Facebook

1. Atinja outras empresas

Se você criar um conteúdo interessante e valioso, é provável que ele seja compartilhado, aumentando o alcance da sua marca. Sua página do Facebook pode ser exposta a um público totalmente novo à medida que outras empresas compartilham e curtem seu conteúdo. Com um alcance maior, consequentemente a chance de ter mais possíveis clientes também cresce.

2. Interaja com seus seguidores

Bem como é fundamental sempre responder aos comentários de seus seguidores e menções à sua marca. Além disso, ao montar suas próprias postagens, inclua perguntas para estimular conversas com seu público do Facebook. Essas perguntas não precisam estar diretamente relacionadas ao seu produto ou serviço para serem eficazes, seja criativo.

Ferramentas de gestão de redes sociais

É essencial usar as ferramentas certas se você quer ter sucesso na sua estratégia de vendas em redes sociais, aumentando a visibilidade da sua marca, potencializando as vendas e otimizando seu tempo. Aqui estão algumas indicações de ferramentas que vão te auxiliar a atingir esse objetivo.

Mlabs

A mLabs é uma ferramenta de gerenciamento de redes sociais. Contém uma plataforma simples, você pode gerenciar todas os seus perfis de redes sociais diferentes ao mesmo tempo com recursos para agendar posts, responder usuários e gerar relatórios personalizados. Na mLabs, você pode gerenciar as principais redes sociais: Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn, YouTube, Pinterest, Google Meu Negócio.

Buzzmonitor

A Buzzmonitor é considerada uma das melhores ferramentas para fazer com que sua empresa cresça no digital. Em um único lugar você pode fazer a gestão da saúde da sua marca, monitorar as redes sociais e melhorar o relacionamento com os clientes. Além de ter contato com métricas de performance para estudar o seu público e seus concorrentes com dados em tempo real.

Hootsuite

O Hootsuite é um gerenciador para você controlar de modo fácil suas contas nas mais distintas redes sociais. Com ele, você pode otimizar seu tempo e desempenho nas redes com a programação de publicações, visualização do conjunto de posts e outros recursos em uma interface muito intuitiva e simples.

Conclusão

Em suma o processo das vendas em redes sociais está relacionado com criar uma rede de interação com os potenciais clientes, se esforçando para convertê-los em compradores. Medir a eficácia das ações ao longo da sua estratégia de venda é fundamental para entender se seus esforços estão funcionando.
A venda eficaz com qualquer uma das abordagens requer ter algo de interesse para ser notado, requer fazer conexões e construir um relacionamento. Além de que é essencial estabelecer e manter um diálogo construtivo, causar impressões positivas, duradouras e fornecer soluções produtivas.

Se gostou deste artigo, nos ajude compartilhando-o nas suas redes sociais.

Rolar para cima

Deixe seus dados que entraremos em contato